19 de julho de 1989

Luiza Erundina entrega ao governador Orestes Quércia documento assinado por 111 entidades que compõem o Conselho Municipal de Saúde, reivindicando “máxima urgência”  na implantação do projeto de municipalização da saúde. O documento diz que a municipalização “garantirá à população uma assistência de saúde adequada”, e vai além:

“Nós, do Conselho Municipal de Saúde, queremos agilizar este processo e garantir que a prestação de contas das verbas destinadas aos serviços de saúde seja feita de forma transparente, com acesso aos movimentos, usuários e população em geral.”    

Luiza Erundina apresenta condição. Só assina o convênio de municipalização e encampa todo o serviço de saúde da cidade, se o governo do Estado saldar dívida e garantir o repasse de verbas para que os hospitais e postos de saúde, sob o comando da Prefeitura, possam ser administrados. Oito dias depois, o secretário estadual de Saúde, em audiência com Luiza Erundina, promete a assinatura do convênio, em um mês. Fica na promessa.

Outro episódio ocorrido neste dia: Carta de Lula

Luiza Erundina recebe telegrama do candidato do PT a presidente da República, o deputado federal Luís Inácio Lula da Silva. Diz Lula: “Em viagem a Minas Gerais, ao passar pelo vale do Aço, fui surpreendido por mais uma tentativa da imprensa a serviço dos candidatos do velho sistema, de provocar intrigas entre os representantes da classe trabalhadora do nosso país.                                                        

Desta vez, foi o jornal ‘O Estado de S.Paulo’, este baluarte do que há de mais retrógrado e decadente na classe dominante, que em sua edição de 19 de julho, atribui a mim a iniciativa de propor mudanças no secretariado da Prefeitura de São Paulo.

Para a opinião pública brasileira saiba como se fabricam falsas notícias numa sociedade em que meia dúzia de famílias dominam os meios de comunicação, vou relatar minha conversa com a repórter de ‘O Estado de S.Paulo’, com quem conversei no restaurante do aeroporto de Congonhas:

1) Segundo a repórter, o vice-prefeito Luiz Eduardo Greenhalgh teria falado sobre possíveis mudanças no secretariado municipal.

2) Ao perguntar  a minha opinião, respondi-lhe que em tese, após seis meses de administração, é natural que a Prefeitura faça uma avaliação sobre os pontos positivos e negativos, e promova as mudanças que achar necessárias.

3) Resumiu-se a isso nossa conversa. deixei bem claro que possíveis mudanças no secretariado, a critério da administração municipal, em nenhuma hipótese teriam relação com a campanha presidencial, mas tã-somente com o projeto político e partidário que nos deu a vitória nas eleições de novembro de 1988.

Quero aproveitar esta oportunidade para reiterar minha absoluta confiaça na companheira prefeita e sua equipe, que procuram administrar a maior cidade do país com a maior dignidade, voltados para as necessidades da maioria da população carente, e para denunciar o vergonhoso papel de alguns dos principais meios de comunicação deste país, preocupados apenas com a futrica e a intriga, fabricados para beneficiar os filhos da ditadura, e denegrir os representantes de uma classe trabalhadora com vergonha ca cara, que vai mudar a face deste país.

Ao mesmo tempo em que fico indignado com essa atitude dos latifundiários da informação manipulada, orgulho-me de ver pelas ruas e praças deste país multidões entusiasmadas com a campanha da Frente Brasil Popular, nas maiores manifestações políticas desta eleição, que são criminalmente omitidas do conhecimento da maioria dos brasileiros.

Nada será capaz de nos separar. Tudo nos une: a crença nos nossos princípios, o carinho do povo, a certeza de que, apesar de tudo, iremos construir um novo Brasil. mais justo, mais fraterno, mais decente.

Um grande abraço, Luís Inácio lula da silva

Ipatinga, 19 de julho de 1989.”

Demais fatos ocorridos neste dia:

Prefeita Luiza Erundina recebe o presidente do tribunal de contas da Itália | Foto: Soma


Advertisements

About Agenda da Prefeita

Através deste blog, você irá relembrar o mandato da primeira mulher a ser prefeita de São Paulo e sua administração democrática.
This entry was posted in Lula, Saúde, Uncategorized and tagged , , , , , , , , , , , , , , . Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s